Em 1º de junho, a obrigatoriedade entra em vigor para as empresas que exploram atividade agroeconômica. A partir de 3 de setembro, valerá para as microempresas e empresas de pequeno porte.

De acordo com as novas regras, será impresso um comprovante para o trabalhador para que o relógio de ponto seja inviolável. Segundo o Ministério da Trabalho, a regra está sendo adotada para evitar fraudes na marcação das horas trabalhadas.

FONTE: Notícias Agência Brasil – ABr

Veja Também

Teses que ganharam força com o julgamento da exclu... O Plenário do Supremo Tribunal Federal decidiu que o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) não integra a base de cálculo das contr...
Abertura do Refis Todavia, fica ainda uma dúvida: se aderiu e foi excluído, poderá incluir novamente os débitos excluídos? O texto legal (par. 1º do art. 17)  não é um ...
Novo aviso prévio entra em vigor e gera dúvidas O presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), diz que a lei tem efeito retroativo, já que dois anos é o prazo permitido pa...
Credibilidade se conquista com contabilidade O mundo tal como conhecemos está completamente baseado nos sistemas político e financeiro que desenvolvemos ao longo de séculos. Nos últimos anos, tem...
Organização é chave para evitar malha fina do Impo... Prazo para entrega da declaração começa em 2 de junho e vai até 30 de abril. Confira os documentos mais importantes O prazo estipulado para a entre...
18/05/2012 – Receita avisará 4 mil empresas ... Atualmente, as pessoas físicas têm acesso ao extrato da declaração do Imposto de Renda, disponível no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta