O que talvez pareça simples, por abranger somente a indicação do capítulo (com 2 dígitos), ao contrário das operações realizadas por industriais ou equiparados, onde é necessário detalhar o correspondente código (com 8 dígitos), está distante de o ser.
Atualmente, a NCM está dividida em 96 capítulos e, aliado a isso, para uma correta classificação, é imprescindível que se conheça as suas regras de interpretação, detalhadas nas “Notas Explicativas do Sistema Harmonizado de Designação e de Codificação de Mercadorias”, mais conhecida por NESH.

Fonte: Fiscosoft

Veja Também

Certificado digital é obrigatório para a entrega d... A folha de pagamento digital, ou o eSocial, já está valendo desde janeiro de 2018 para mais de 14 mil empresas que possuem faturamento acima de R$ 78 ...
Empresas precisam de estratégias para jornada de t... Liberação dos funcionários para os jogos é tema de evento que será realizado hoje em Curitiba Curitiba - A vontade da maior parte dos brasileiros é...
Os erros que podem fazer você perder o seguro-dese... Um dos principais erros que podem fazer com que o trabalhador perca o direito ao seguro-desemprego é realizar o seu requerimento fora do prazo legal. ...
Famílias antecipam sucessão para escapar de possív... A principal preocupação dos herdeiros atende atualmente por cinco letras: ITCMD. O Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação está na mira do gov...
Conheça os benefícios do Refis da Copa A Receita Federal informa que estará disponível até o próximo dia 1º de dezembro, no sítiohttp://www.receita.fazenda.gov.br, o aplicativo para adesão ...
5 pecados empresariais mortais De muitas maneiras, estes são os tempos mais difíceis para negócios em uma geração. Todos fomos despertados para a necessidade de olhar para além do c...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta