Cerca de 23 milhões de trabalhadores têm direito ao benefício.
Montante a ser pago será de cerca de R$ 17 bilhões, diz governo.

Começa nesta terça-feira (15) o pagamento do abono salarial do exercício 2014/2015. No atual exercício, houve antecipação do pagamento, que antes começava em agosto, informou o Ministério do Trabalho.

Outra mudança no calendário, segundo o ministério, é que os trabalhadores que recebem o benefício em conta corrente vão ter o depósito em suas contas de acordo com o mês de aniversário, a partir de 15 de julho. O prazo final para sacar o abono é dia 30 de junho de 2015.

O governo estima que cerca de 23 milhões de trabalhadores tenham direito ao benefício. O montante a ser pago será de cerca de R$ 17 bilhões. O valor de cada abono é um salário mínimo.

Terão direito de receber o benefício os trabalhadores que tiveram os dados informados na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) e que atendam aos seguintes critérios: ter cadastro no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos; ter trabalhado com carteira assinada ou ter sido nomeado efetivamente em cargo público durante, pelo menos, 30 dias no ano-base para empregadores contribuintes do PIS/Pasep (empregadores cadastrados no CNPJ); e ter recebido em média até 2 salários mínimos de remuneração mensal durante o período trabalhado.

Como sacar o benefício

Os trabalhadores inscritos no Programa de Integração Social (PIS) recebem o abono salarial nas agências da Caixa, e os inscritos no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) recebem nas agências do Banco do Brasil, de acordo com o calendário de pagamento (veja abaixo). Os inscritos no PIS que tiverem o Cartão do Cidadão com senha cadastrada também podem fazer o saque em lotéricas, caixas de autoatendimento e postos do Caixa Aqui, informou o governo.

Os inscritos devem apresentar um documento de identificação e o número do PIS ou Pasep.

Cronograma para saque do abono salarial nas agências da Caixa Econômica Federal
Nascidos em Recebem a partir de Recebem até
Julho 15 de julho de 2014 30 de junho de 2015
Agosto 22 de julho de 2014 30 de junho de 2015
Setembro 31 de julho de 2014 30 de junho de 2015
Outubro 14 de agosto de 2014 30 de junho de 2015
Novembro 21 de agosto de2014 30 de junho de 2015
Dezembro 28 de agosto de 2014 30 de junho de 2015
Janeiro 16 de setembro de 2014 30 de junho de 2015
Fevereiro 23 de setembro de 2014 30 de junho de 2015
Março 30 de setembro de 2014 30 de junho de 2015
Abril 14 de outubro de 2014 30 de junho de 2015
Maio 21 de outubro de 2014 30 de junho de 2015
Junho 31 de outubro de 2014 30 de junho de 2015

 

Cronograma para saque do abono salarial nas agências do Banco do Brasil
Final da inscrição no Pasep Recebem a partir de Recebem até
0 e 1 15 de julho de 2014 30 de junho de 2015
2 e 3 14 de agosto de 2014 30 de junho de 2015
4 e 5 16 de setembro de 2014 30 de junho de 2015
6 e 7 14 de outubro de 2014 30 de junho de 2015
8 e 9 14 de outubro de 2014 30 de junho de 2015

Fonte: G1

 

Veja Também

E-mails são usados como provas na Justiça E-mails, mensagens de texto no celular, whatsapp e até postagens no Facebook. Todas essas formas de comunicação já estão sendo usadas na Justiça como ...
10 dicas para vender mais em um negócio de moda Brasília - O mundo da moda é muito dinâmico e o varejista que atua no segmento precisa estar sempre atento às novidades e tendências. Para ajudar o...
Emaranhado Tributário ganha novo personagem: EFD-P... Isso não quer dizer que as empresas apuram tais tributos de forma errada propositalmente. Na verdade, a legislação dessas contribuições para o regime ...
Regras para cadastro do novo registro de ponto ele... O cadastro do Registro Eletrônico de Ponto – CAREP - é procedimento previsto no artigo 20 da Portaria 1.510/2009, onde os empregadores que utilizam es...
Limitada com apenas um sócio fomenta empreendedori... Em casos de morte do titular da empresa, as dificuldades para encerramento das atividades são muito maiores que numa Ltda., vez que a falta de planeja...
13 motivos que podem levar à justa causa no trabal... Ato de improbidade e condenação criminal são alguns deles Por: (*) Gilberto de Jesus da Rocha Bento Júnior Os empregadores no Brasil sempre fica...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *