A partir de agora, todo recém-nascido brasileiro vai receber certidão de nascimento com o número do CPF e o Cadastro de Pessoas Físicas vai ser obrigatório para crianças a partir de 8 anos declaradas como dependentes no Imposto de Renda.

O Cadastro de Pessoas Físicas é um número único. Em 2017, o CPF passou a ser obrigatório para crianças a partir de 12 anos, declaradas como dependentes no Imposto de Renda. A partir de 2018, essa idade cai para 8 anos, uma exigência da Receita Federal. E a partir de 2019, a obrigatoriedade será para todos os dependentes, de qualquer idade.

A Receita Federal já vinha baixando a cada ano a idade mínima exigida para dependentes com CPF na declaração – uma forma de aumentar o controle sobre os dados dos contribuintes e evitar fraudes, como dependentes fictícios ou o uso de um mesmo dependente em duas declarações para pagar menos imposto ou aumentar o valor da restituição.

“O banco de dados, quando você tem um CPF e que ele é único para cada declarante, fica bem mais transparente esse cruzamento e o trabalho da Receita de identificação de fraudes”, explica Joaquim Adyr, supervisor nacional do Imposto de Renda.

A ideia é que o CPF seja feito cada vez mais cedo. Uma decisão da Corregedoria Nacional de Justiça, que já está valendo, estabelece um modelo único de certidão de nascimento, com número do CPF obrigatório.
Luiz André ainda não tirou o CPF dos dois filhos, de 6 e 8 anos. Disse que nunca precisou, mas agora vai aproveitar a exigência da Receita e fazer os dois CPFs de uma vez.

“Eu acho muito válido. Acho que tudo que vem para ter mais identificação, que venha facilitar num futuro, porque hoje às vezes a criança não precisa abrir a conta em banco, mas aquele CPF que ela tirou, valendo para a vida toda, acho que vai ser bom para o futuro”, disse o assessor parlamentar Luiz André Solano.

Fonte: Jornal Nacional – G1

Veja Também

Receita Federal do Brasil cobra as obrigações corr... Para que o contribuinte possa usufruir das reduções de multas, juros e encargos legais instituídas pela Lei 13.496/2017 que criou o PERT – Programa Es...
Escrituração digital: oportunidades e riscos É inegável o avanço na relação entre fisco e os contribuintes, com a redução de arquivos físicos, agilização no envio de informações, redução de obrig...
Contabilidade Comercial ou Livro Caixa? A Contabilidade Comercial é um instrumento que fornece o máximo de informações contábeis vitais para a tomada de decisões da empresa, através desta co...
MEI que não fizer declaração anual pode ser cancel... Prazo para cumprir a obrigação termina em 31 de maio; depois disso, empresa fica sujeita a multa Os microempreendedores individuais (MEIs) do país ...
Viagem internacional: como restituir imposto sobre... Para o advogado, mestre em Direito e especialista em tributos, Edson Pinto, a restituição é bastante justa, pois o imposto recolhido pelo governo é di...
Atenção às novidades na hora de declarar o IR Caso houvesse a obrigação, entretanto, ele teria que passar por uma adaptação, já que pela primeira vez o Imposto de Renda deve ser declarado exclusiv...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *