A Lei Complementar n° 150/2015 (DOU de 02.06.2015) modificou o prazo de recolhimento da contribuição previdenciária (INSS) dos empregados domésticos, bem como do imposto de renda retido do rendimento do trabalho assalariado pago a empregado doméstico.

Conforme o artigo 36 da LC 150/2015, que alterou o artigo 30, inciso V, da Lei n° 8.212/91, o empregador doméstico é obrigado a arrecadar e a recolher a contribuição do segurado empregado a seu serviço, assim como a parcela a seu cargo, até o dia 7 do mês seguinte ao da competência.

Dito isso, o recolhimento da competência junho/2015 ocorrerá até o dia 07.07.2015.

O recolhimento do imposto de renda retido do rendimento do trabalho assalariado pago a empregado doméstico a partir de 02.06.2015 deve ser pago, também, até o dia 07.07.2015.

Econet Editora Empresarial Ltda.

Veja Também

Entenda como funciona o Regime Parcial para as emp... Após muitos anos de discussão intensa sobre os direitos das domésticas, da aprovação da Lei e das novas mudanças efetuadas recentemente, não há dúvida...
Não recebeu a restituição? Verifique pendências e ... Se você tem direito à restituição e até agora não teve o dinheiro depositado, pode significar que sua declaração está com alguma inconsistência. Será ...
GERENTE – COMO APROVEITAR MELHOR SEU TEMPO Os quatro primeiros recursos podem ser manipulados pelo homem, uma vez que o capital poderá ser aumentado, gasto ou mantido; recursos humanos podem se...
Fiscalização não vai mais poupar micro e pequenas... A falta de cuidados pode acarretar grandes prejuízos afirma, e qualquer inconsistência na declaração, seja por erro administrativo ou por operação vic...
Micro e pequenas empresas vendem mais ao governo e... “O governo federal está aplicado de forma correta os incentivos à participação de micro e pequenas empresas em compras públicas. Devemos lembrar, no e...
Empresa pode pagar dívida do Refis com crédito tri... A empresa de transporte fez vários parcelamentos tributários na Receita Federal e estava pagando mais de R$ 150 mil em tributos por mês, mas nos últim...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta