Conceitos aplicados nos parques temáticos da Disney mostram que a experiência do consumidor é reflexo de práticas corporativas que vão além do discurso

Em tempos de crise, o que a Disney tem a ensinar aos varejistas pernambucanos? O presidente da Lederman Consulting & Education, David Lederman, revela que, por trás do parque temático que reúne os personagens mais famosos do mundo, está uma profunda cultura de encantamento – que vai da seleção de pessoal ao atendimento ao cliente.

No Recife para treinamentos com lojistas e colaboradores do RioMar Shopping, o especialista alerta: em tempos de guerra de preços e consumidor retraído, a experiência que ele tem junto à empresa pode ser decisiva. “Se empatar o preço, o cliente vai optar pelo melhor serviço”, opina Lederman, que também lembra de uma regra de ouro do mercado: conquistar um consumidor é muito mais caro do que mantê-lo, e essa fidelidade do cliente é um dos maiores apoios do comerciante em uma recessão.

A essência desses ensinamentos, porém, não é uma desconhecida dos empresários. O problema está na execução. “O senso comum não é a prática comum. Infelizmente, esse desencontro é universal”, lamenta. É nesse vácuo que práticas da cultura da Disney se mostram capazes de encantar o cliente.

Lederman explica que a aplicação precisa ser em todos os processos. Começa com um gestor que já tenha assimilado a necessidade de tornar real a proposta da sua marca e segue com um bom recrutamento, focado em captar candidatos que de fato tenham aptidão para atendimento. Ele destaca que é preciso lembrar às pessoas, da faxineira ao gerente, que elas são parte da experiência do cliente.

O relacionamento com o empregado, aliás, tem que receber atenção extra do empresário. “É preciso tratá-lo como você quer que ele trate seu cliente. Porque isso vai muito além de uma questão salarial, uma vez que nem sempre é possível pagar mais por uma questão de competitividade. As camareiras da Disney não ganham mais que outras camareiras de Orlando, mas elas sabem encantar o cliente”, ensina. É desse modo que a Disney consegue fazer com que todos se engajem no atendimento ao cliente. “Se fosse para resumir em uma frase, eu diria que o foco deve ser paixão por entender a experiência do cliente e melhorá-la até o infinito”, resume.

FELICIDADE – Lederman veio ao Recife a convite do RioMar Shopping para palestras e workshops com lojistas e colaboradores, como parte das ações da campanha Felicidade é a melhor escolha, que vai pautar as ações do mall este ano.

“Queremos lembrar às pessoas que precisamos valorizar os momentos felizes e eles podem acontecer no dia a dia, como tomar um café com um amigo ou ir ao cinema com os filhos”, comenta a gerente de marketing do RioMar, Denielly Halinsky, ao destacar que há três anos o shopping mantém uma cultura de hospitalidade com o cliente.

Fonte: http://jconline.ne10.uol.com.br/

Veja Também

Empresas desconhecem normas na distribuição de luc... Conforme explica o advogado, a distribuição de lucros é obrigatória entre as empresas, e a falta dela pode gerar erros na contabilidade e, consequente...
Planejamento tributário é essencial para enfrentar... Segundo o IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação), o brasileiro gasta uma média de 05 meses por ano trabalhando só para pagar imposto...
Fisco adia unificação de certidões negativas A Receita Federal e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) adiaram o início da vigência da Portaria Conjunta nº 1.751, editada neste ano. Com...
ICMS: Venda financiada pelo BNDES ganha regras de ... São Paulo fixa regras para emissão de nota fiscal na operação de venda financiada com recursos do BNDES Sabe aquela operação de venda de máquinas e...
Impostos são os entraves mais relevantes para negó... A carga tributária direcionada para o consumo em vez de voltada para a renda e o patrimônio é uma das críticas da iniciativa privada em relação às nor...
7 dicas para maior produtividade no trabalho em ho... Home office pode ser entendido como toda e qualquer atividade profissional realizada dentro de casa. Normalmente esses profissionais montam um quarto ...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *