O Governador do Estado de São Paulo, por meio do Decreto nº 60.443/2014 (DOE de 14.05.2014), regulamenta a Lei nº 15.387/2014, que instituiu o Programa de Parcelamento de Débitos (PPD) no Estado de São Paulo, para a liquidação dos débitos que especifica, inscritos em Dívida Ativa, ajuizados ou não, desde que o valor do débito, atualizado nos termos da legislação vigente, seja recolhido em moeda corrente, conforme as indicações .

Além das considerações já divulgadas por meio do Express nº 085/2014, expedido em 17.04.2014, o referido decreto estabeleceu que o beneficiário deste programa poderá aderir ao PPD no período de 19.05.2014 a 29.08.2014, mediante acesso ao endereço eletrônico www.ppd2014.sp.gov.br.

Esta norma indica, ainda, que a transferência de propriedade do veículo junto aos órgãos de trânsito implica imediato vencimento de todas as parcelas vincendas do parcelamento celebrado nos termos deste decreto, inclusive do parcelamento referente a um conjunto de veículos.

Econet Editora Empresarial Ltda

Veja Também

6 fatores que vão selar o destino de sua empresa Depois de enfrentar a maior e mais longa recessão já vista na economia brasileira e uma revolução no meio digital, qual o lojista que não quer ter pis...
Seis dicas para aumentar a produtividade durante o... De acordo com consultor de carreiras, produtividade no trabalho está sendo negativamente impactada pelo excesso de informações recebidas no dia E...
Lei que exige informações judiciais na matrícula d... Desde o dia 20 de fevereiro, o comprador de um imóvel pode saber se o bem ou seu proprietário estão envolvidos em alguma ação na Justiça que possa com...
Era digital de obrigações fiscais é problema para ... As recentes decisões do Governo Federal para minimizar as burocracias do sistema tributário e facilitar os trâmites das empresas estão complicando ain...
Avanços e retrocessos do novo simples O projeto do novo Simples Nacional, recém-aprovado no Congresso Nacional, proporciona avanços às empresas brasileiras à medida que amplia o teto para ...
A desoneração da folha de pagamento sofreu redução... A Lei nº 13.670/2018, cujos efeitos começam a vigorar a partir de 1º.09.2018, reduziu em aproximadamente 70% os setores da economia que podem optar pe...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta