No apagar das luzes de ontem 31/03/2022 saiu a publicação do Decreto nº 11.021/2022, que prorroga, para 1º.05.2022,  a vigência inicial da Tabela de Incidência de Produtos Industrializados (Tipi), aprovada pelo Decreto nº 10.923/2021 que estava previsto para 1º.04.2022.

Agora o  art. 5º  do Decreto nº 10.923/2021, revoga diversos diplomas legais, dentre eles, o Decreto nº 8.950/2016, que aprovara a TIPI anterior produz efeito somente a partir de 01.05.2022.

Com a publicação do mencionado Decreto nº 11.021/2022 a redução de IPI continua até 30/04/2022 considerando as legislações publicadas até o momento.

Nota:

Lembrando, que a vigência inicial da Resolução GECEX nº 272/2021, que altera a Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM) e a Tarifa Externa Comum (TEC) para adaptação às modificações do Sistema Harmonizado (SH-2022), não foi alterada, a qual continua a produzir efeitos a partir de hoje (1º.04.2022) isso até o presente momento.

(Decreto nº 11.021/2022 – DOU – Edição Extra de 31.03.2022) entra em vigor a partir da sua publicação (31.03.2022).

Decreto nº 10.923, de 30 de Dezembro de 2021, nova TIPI 2022

Fonte: http://www.spednews.com.br/

Veja Também

E-Financeira – Receita Cruzará Dados Bancários Sabe aquele saldo bancário que você tem e que esqueceu de informar na sua declaração de rendimentos? Você esqueceu, porém a Receita Federal, através d...
Empreendedorismo, intra e inter ambiente! Um detalhe importante para não ser esquecido é que o espírito empreendedor dentro de qualquer atividade, deve nascer pelo gosto e vocação, já que sem ...
Sem dívidas e mais produtivos. Por que ensinar fin... Como implantar programas de educação financeira nas empresas para conscientizar os funcionários sobre os benefícios de manter o orçamento pessoal sob...
Gestão ou Administração: qual é a diferença? Gestão não vem de Gerar ou Gestação. Administrar não é levar a termo nove meses um projeto, como muitos acreditam. Gestão vem de Gesto, Gesticulaç...
Prazo para pequeno contribuinte termina dia 29 Pela Lei do Refis - nº 11.941, de 2009 -, este grupo inclui empresas que não optaram pelo pagamento à vista de débitos com a utilização de crédito...
5 erros com impostos que sua empresa não deve come... Especialistas listam os principais erros das pequenas empresas de comércio ao lidar com impostos É unanimidade entre os empreendedores: a carga tri...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta