A CLT prevê que as verbas rescisórias sejam pagas até o primeiro dia útil seguinte ao término do contrato, se o funcionário cumprir o período do aviso prévio trabalhando. Se o aviso prévio for indenizado, o prazo é de até 10 dias a contar da data da dispensa

Fonte: Exame.com

A CLT prevê que as verbas rescisórias sejam pagas até o primeiro dia útil seguinte ao término do contrato, se o funcionário cumprir o período do aviso prévio trabalhando. Se o aviso prévio for indenizado, o prazo é de até 10 dias a contar da data da dispensa.

A legislação não prevê nenhuma autorização para que esse prazo seja flexibilizado ou fracionado. Além disso, a jurisprudência da Justiça do Trabalho tende a não aceitar essa flexibilização, mesmo por norma coletiva negociada pelo sindicato. Assim, não é possível o parcelamento dessas verbas.

Se a empresa realizar o parcelamento, ela será obrigada a pagar a multa correspondente ao valor de um salário do funcionário, devida nos casos de pagamento das verbas rescisórias fora do prazo legal.

Existem alguns casos, contudo, de grande repercussão social, em que se admitiu o parcelamento das verbas rescisórias mediante participação do sindicato profissional e do Ministério Público do Trabalho. Trata-se, porém, de situação excepcional, prevalecendo a regra de que não é admitido o parcelamento.

Veja Também

Empresas têm até dia 31 para aderir ao Simples Nac... Novas atividades beneficiadas com a revisão da Lei Geral poderão fazer a opção a partir deste mês Alessandra Pires A partir deste mês, as micro e pe...
EMPRESA FLEXÍVEL? SAIBA O QUE FAZER PARA QUE OS PR... "Estes novos conceitos surgiram com as empresas de internet, como Google", explica o consultor da Leme Consultoria, Euclides Junior. Mas, para ter ...
Informatizar MPEs garante competitividade e produt... Para garantir eficiência no negócio, abusar da tecnologia, da boa gestão e principalmente da informatização podem garantir mais sucesso e qualidade pa...
CARF ACEITA EXCLUIR ICMS DO PIS E DA COFINS Duas decisões do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) determinaram a exclusão do ICMS do cálculo do PIS e da Cofins. Para tributaris...
Afinal, a rescisão contratual precisa ser homologa...   Quando se fala em homologação da rescisão do contrato de trabalho, se está falando em assistência sindical, função essa que o sindicato ...
LGPD no RH: o que o seu setor precisa para se adeq... A LGPD, para o RH, tem como objetivo o cuidado com a segurança, visando o melhor uso e preservação dos dados, desde o momento da pré-seleção, até o d...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta