Nesse tipo societário pode-se determinar no contrato social a forma de apuração de haveres, tanto na hipótese de dissolução parcial, em razão da saída de um ou mais sócios, quanto na de dissolução total, ocasião em que a sociedade é extinta.

A apuração de haveres consiste em um procedimento societário/contábil, pelo o qual avalia-se o patrimônio de uma sociedade (ativo e passivo), apurando-se o seu valor real e definindo-se, consequentemente, o valor da participação societária de cada sócio.

Nesse tipo societário pode-se determinar no contrato social a forma de apuração de haveres, tanto na hipótese de dissolução parcial, em razão da saída de um ou mais sócios, quanto na de dissolução total, ocasião em que a sociedade é extinta.

Caso a forma de apuração dos haveres não esteja prevista no citado contrato, faz-se necessário observar o disposto no art. 1.031 da lei 10.406/02 (Código Civil), que determina a realização de um balanço especial, a fim de se verificar a situação patrimonial da sociedade, podendo ocorrer variações de acordo com o método aplicado. 

De modo a sanar tais variações de método, a lei 13.105/15 (Código de Processo Civil), em seu Art. 606, estabelece critérios específicos para avaliação do patrimônio da sociedade em caso de dissolução, devendo o juiz determinar que a avaliação dos bens e direitos do ativo, sejam tangíveis ou intangíveis, seja feita a preço de saída (valor de mercado), devendo também o passivo ser apurado de igual forma. Essa avaliação difere do critério adotado para elaboração do balanço patrimonial, que utiliza o custo de aquisição para avaliação dos ativos da sociedade.

Diante disso, verificadas inconsistências na apuração dos haveres, o sócio que não concordar com a avaliação de sua participação societária poderá ingressar com medida judicial, a fim de obter a correta apuração dos haveres devidos a ele pela sociedade, observada a aplicação das mencionadas disposições legais.

Fonte: www.migalhas.com.br

Veja Também

Faturamento só pode ser penhorado na ausência de b... A Primeira Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF 4ª Região) negou, na última semana, pedido da empresa de móveis Mezzaroba, do municípi...
NF-e – A partir de julho de 2016 novos campo... Serão rejeitados os arquivos da NF-e que apresentarem inconsistências entre a alíquota aplicada à operação e o Código de origem da mercadoria. ...
Indústria 4.0: como implementar na sua fábrica Inovação não é exclusiva para organizações de grande porte. Veja o passo a passo para aplicar na sua empresa. Por Rodrigo Portes, executivo e auto...
Consolidação das Dívidas do Simples: Pedido de Rev... Recentemente foi feita a consolidação da dívida no caso de parcelamento dos tributos devidos no Simples Nacional, considerando como data de consolidaç...
Com reajuste de 4,5%, confira como ficará tabela d... Alíquota do Imposto de Renda Retido na Fonte Base de cálculo mensal Alíquota Parcela a deduzir do imposto Até R$ 1.566,61 - - De ...
Fórmula 85/95 para aposentadoria já impulsiona rom... Valor de benefícios sobe 57% entre julho de 2015 e fevereiro deste ano. Ministério da Previdência avalia que é 'cedo para avaliação mais robusta'. A...

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta